Contato responsável
igus® do Brasil Ltda

Rua Antônio Christi, Nº 611

Parque Industrial III - FAZGRAN

13213-183 – Jundiaí-SP

+55 11 3531 4487
+55 11 3531 4488

Buchas autolubrificantes sem flange iglidur®

Buchas autolubrificantes feitas em polímero de elevada performance fornecem estabilidade mecânica com os mais baixos coeficientes de atrito sem lubrificação adicional. Com sujeira e poeira, no laboratório de sala limpa ou debaixo de água.

Categorias
Filtrar
Requisitos do condutor
Tamanho
Requisitos
Material

Quantidade de produtos: 61

iglidur® G, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O material iglidur® mais popular a nível mundial
  • Elevada resistência ao desgaste
  • Resistência ao pó e à sujidade
  • Econômico
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® A350, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O maratonista para temperaturas mais elevadas no setor alimentar
  • Em conformidade com a diretiva da UE 10/2011/CE
  • Em conformidade com a FDA
  • Cumpre os requisitos de prevenção de incêndios da Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) para interiores de aeronaves
  • Para utilização com temperaturas até +180 °C
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® M250, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O produto universal resistente com um excelente amortecimento de vibrações
  • Excelente amortecimento de vibrações
  • Resistente a cargas nas extremidades
  • Elevada resistência ao impacto
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® P210, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O especialista para aplicações com oscilação ou giratórias e muito mais - Bons coeficientes de atrito e desgaste em quase todos os eixos
  • Baixa absorção de umidade
  • Extremamente resistente ao desgaste, especialmente até 20 MPa em aplicações com oscilação
  • Versátil: elevado desempenho em diversos eixos diferentes
  • Bom para cargas nas extremidades
  • Isento de lubrificação e manutenção
  • Gama padrão em stock
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® J, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O maratonista versátil, altamente resistente ao desgaste em (praticamente) todos os eixos com coeficientes de atrito bastante baixos
  • Baixo desgaste em diferentes materiais do eixo
  • Baixos coeficientes de atrito em funcionamento a seco
  • Amortecimento de vibrações
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® TX1, buchas autolubrificantes sem flange, mm

A bucha para aplicações pesadas até 200 MPa
  • Até 200 MPa (estática) e 140 MPa (dinâmica)
  • Resistente ao desgaste e estável a nível dimensional
  • Boa resistência a fluidos
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® X, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O especialista em resistência a substâncias químicas e temperaturas, até 150 MPa de carga estática
  • Resistente a temperaturas entre -100 °C e +250 °C em funcionamento contínuo
  • Resistência química universal
  • Cumpre os requisitos de prevenção de incêndios da Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) para interiores de aeronaves
  • Elevada força de compressão
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® P, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O produto econômico e universal para exteriores - Sem expansão devido à umidade, inclusive com elevadas taxas de umidade ambiente
  • Baixa absorção de água
  • Baixas taxas de desgaste
  • Elevada capacidade de carga
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® J260, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • Adequado para eixos em plástico
  • Muito bom coef. de atr. para cargas pequenas ou médias
  • Boa resistência a fluidos
  • Classificação de temperatura ligeiramente superior em relação aos iglidur® J
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® J3, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O novo maratonista: especialista para cargas pulsantes
  • Baixos coeficientes de atrito
  • Boa resistência a fluidos
  • Baixa absorção de umidade
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® J350, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O maratonista com grande estabilidade dimensional a elevadas temperaturas - Pode ser utilizado com diversos tipos de eixos e cargas
  • Excelente coeficiente de atrito com eixos em aço
  • Cumpre os requisitos de prevenção de incêndios da Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) para interiores de aeronaves
  • Temperatura de funcionamento contínua até +180 °C
  • Para cargas médias a elevadas
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® L250, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • Para velocidades elevadas
  • Especialmente concebido para aplicações com rotações rápidas
  • Coeficientes de atrito bastante baixos
  • Excelente resistência ao desgaste
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® R, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • Material econômico, baixo desgaste
  • Boa resistência ao desgaste
  • Baixos coeficientes de atrito em funcionamento a seco
  • Econômico
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® W300, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • O maratonista clássico, altamente resistente ao desgaste em (praticamente) todos os eixos
  • Para uma vida útil especialmente prolongada
  • Baixo coeficiente de atrito
  • Extrema resistência ao desgaste
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

iglidur® D, buchas autolubrificantes sem flange, mm

  • Material econômico com silicone
  • Baixos coeficientes de atrito a velocidades elevadas
  • Para cargas pequenas
  • Econômico
Em conformidade com a RoHS
De acordo com a norma 2011/65/EU (RoHS 2)

Buchas autolubrificantes da igus

Livre de lubrificação, graças as buchas autolubrificantes de plástico de alto desempenho
iglidur® feitas de polímeros altamente resistentes ao desgaste, melhoradas por adições precisamente coordenadas de materiais de reforço e lubrificantes sólidos, tornam a lubrificação externa supérflua. São compostas por diferentes componentes: polímeros básicos para resistência ao desgaste, fibras e enchimentos reforçam as buchas para absorver altas forças ou cargas de borda, e os lubrificantes sólidos lubrificam as buchas de forma independente e reduzem o atrito do sistema. 

Consulta

Envio e consulta

Pessoalmente:

De segunda à sexta das 7:30 às 17:18

Online:

24h